Concurso Público para o Ministério da Fazenda SP

Sairá no próximo ano de 2021, o novo concurso público para o Ministério da Fazenda. Esta mesma já solicitou a autorização do Ministério do Planejamento para que esta nova seleção seja realizada.

O concurso estará disponibilizando 300 vagas a serem preenchidas. Estas com o cargos de analista, onde exige dos candidatos o nível superior de escolaridade.

A remuneração inicial que será oferecida será de R$ 3.200,00, isso tudo além dos benefícios que os aprovados terão. Como por exemplo, o auxílio alimentação, esta que será no valor de R$ 304,00.

É bem provável que a seleção comece logo em breve, pois caso a liberação para este processo seletivo saia este ano, consequentemente ele será realizado no primeiro semestre de 2021.

É importante sabermos que o último concurso do Ministério da Fazenda que foi realizado, aconteceu no ano de 2009. Ele acabou oferecendo 2 mil vagas para o cargo de assistente técnico-administrativo , e este exigiu que os interessados tivessem ao menos o nível médio de escolaridade, e que também contou com a participação de mais de 573 mil pessoas que foram inscritas.

Portanto procure estar atento à chamada. E comece desde já a estudar e se preparar. Poderá usar o edital do último concurso no site de busca na internet, isso enquanto o verdadeiro não é publicado. É mais que essencial que a pessoa esteja bem preparada e ciente do que irá cair nas provas.

Analise bem o edital do último concurso para o Ministério da Fazenda

Analise o edital do último concurso. Se iniciar seus estudos antes mesmo de haver previsão para o concurso você já sai na frente e quem sai na frente chega na frente também, isso é regra, comece o quanto antes.

Com o edital do último concurso, o mais importante, inicialmente, é observar quais foram os requisitos para investidura no cargo, para saber se você está habilitado e, imprimir o anexo que trata do conteúdo (das matérias cobradas para aquele cargo).

Diante dessas informações, tome note de seus horários diários e elabore um quadro de horários (todos os compromissos que não podem deixar de cumprir, por exemplo, seu trabalho, faculdade etc), faça um quadro pra saber em que horários não poderá estudar. Organize-se e acrescente ao menos duas matérias por dia para estudar. É necessário que seu quadro/horário seja bem elaborado e que você elimine aqueles afazeres que não têm tanta importância e necessidade. Lembre-se, o mais importante é o seu cargo almejado. Depois que for aprovado terá muito tempo para lazer e outras coisas boas da vida e, terá condições de fazer tudo com qualidade.

Tenha disciplina para cumprir seu plano, hora de estudar é pra estudar. Não perca o foco com convites de amigos para lazer ou outras coisas, com redes sociais ou tv. Isso também é importante, mas haverá o tempo certo para essas atividades. É fundamental cumprir sua meta para aquele dia. Também é imprescindível estudar com qualidade, em um lugar silencioso e adequado. Nada de estudar na cama, com a tv ligada, onde tenham outras pessoas conversando, tem que ter qualidade para que o estudo seja efetivo. Muitas vezes é mais proveitoso estudar 4 hora por dia, com qualidade à estudar 8 horas diárias em condições ruins.

Otimize seu tempo! Sabe aquelas frações de hora que você passa no carro, em filas, na sala de espera pra consultas etc? Esses minutos são preciosos e fazem toda diferença. Nessas horas você poderá revisar seus estudos, utilizando ferramentas como livros, cadernos de resumos, áudio aulas, gravar o conteúdo pra ouvir com fone no seu celular, dentre outras possibilidades. Ganha tempo!!

Também é muito importante buscar os editais das últimas provas para se saber a data em que termina a validade do concurso que se pleiteia. Com isso se tem, aproximadamente, a possível realização do novo concurso, o que possibilita traçar seu plano de estudos com maior eficiência. Sabendo quanto tempo terá para preparação é possível se organizar para ver toda a matéria, e mais de uma vez, aliás, muitas e muitas vezes…

Por fim, uma outra boa dica é estar sempre estudando, manter-se ativo. Existem matérias que, basicamente, são comuns em todos os concursos, como por exemplo, português, raciocínio lógico matemático, informática, direito constitucional, direito administrativo, direito civil e direito processual civil. Nessas, você tem que ser craque, estar dominando o conteúdo, ai, quando sair o edital, você só revisa essas matérias e mergulha de cabeça nas específicas.

Deixe um comentário