Plano de estudo para passar nos concursos das prefeituras

Estudar para concursos públicos não é simplesmente fazer a inscrição e estudar o que dá até o dia da prova!

Fazendo assim você só vai ficar dando seu dinheiro pras organizadoras e não irá passar em nenhum!

É preciso ser melhor, ser profissional com seus estudos e com seu futuro. Afinal, estudar vale muito a pena.

Se você quer mesmo ser aprovado em um bom concurso, estude! Mas estudo da forma correta, com qualidade, praticando um estudo efetivo. Elabore seu plano de estudos de acordo com suas necessidades. Em qualquer lugar por ai se encontra planos já prontos, mas estes não vão servir pra você. Não são compatíveis com seus horários, com o tempo restante para o seu concurso, enfim, com suas necessidades. Então, monte seu próprio plano, trace suas metas. E mãos à obra.

Primeiramente é muito importante saber em que área se quer prestar os concursos.

No Brasil a quantidade de concursos disponíveis todos os anos é muito boa e também muito variável. As vezes até se houve por ai que o Governo vai enxugar a máquina pública, que os concursos vão acabar, dentre outras coisas. Mas não vão! O Poder Público, a Administração Pública em geral (direta e indireta) não podem parar, os serviços continuarão sendo prestados ao público. Aliás, a tendência é a de que as demandas aumentem, surjam novos cargos, muitos funcionários se aposentam, morrem, são demitidos enfim, os concursos não vão acabar. Mas o importante, como já havia dito é, em primeiro lugar, definir em que área você quer trabalhar num cargo público. Basicamente as opções giram em torno das áreas Administrativa; Fiscal; Policial e Tribunal. Entenda, dentro de cada uma dessas quatro áreas que citei existe uma grande possibilidade de cargos, tanto que não seria possível a uma pessoa prestar todos os concursos de todas as áreas, por algumas circunstâncias: não é possível prestar todas as provas (muitas caem na mesma data); dinheiro (não vai conseguir bancar todas as taxas de inscrição e gastos com viagens); e principalmente, preparação (é necessário tempo e foco para uma boa preparação, aquele que sai prestando todo e qualquer concurso que aparece não obtém êxito em nenhum).

Uma dica para definir a escolha de sua área: pesquise, por meio de canais como youtube, sites de carreiras, editais passado, busque os vários cargos e suas atribuições, bem como suas remunerações, que é o que muito nos interessa não?

Bom, feito isso, defina qual cargo você pretende trabalhar, defina seu cargo pretendido usando os mesmos critérios para definir a área.

Uma boa dica pra definir seu cargo é pesquisar os principais concursos, se estão com o prazo de validade vencendo ou já vencido, o que já cria expectativa para o novo certame, em breve.

Definido também seu cargo, ou cargos, a depender da área e do cargo muitas matérias são conexas, isto é, para cargos diferentes boa parte da matéria é semelhante, o que lhe permite prestar mais de um bom concurso. Vamos ao plano de estudos:

Analise bem o edital da prefeitura

Analise o edital do último concurso. Se iniciar seus estudos antes mesmo de haver previsão para o concurso você já sai na frente e quem sai na frente chega na frente também, isso é regra, comece o quanto antes.

Com o edital do último concurso, o mais importante, inicialmente, é observar quais foram os requisitos para investidura no cargo, para saber se você está habilitado e, imprimir o anexo que trata do conteúdo (das matérias cobradas para aquele cargo).

Diante dessas informações, tome note de seus horários diários e elabore um quadro de horários (todos os compromissos que não podem deixar de cumprir, por exemplo, seu trabalho, faculdade etc), faça um quadro pra saber em que horários não poderá estudar. Organize-se e acrescente ao menos duas matérias por dia para estudar. É necessário que seu quadro/horário seja bem elaborado e que você elimine aqueles afazeres que não têm tanta importância e necessidade. Lembre-se, o mais importante é o seu cargo almejado. Depois que for aprovado terá muito tempo para lazer e outras coisas boas da vida e, terá condições de fazer tudo com qualidade.

Tenha disciplina para cumprir seu plano, hora de estudar é pra estudar. Não perca o foco com convites de amigos para lazer ou outras coisas, com redes sociais ou tv. Isso também é importante, mas haverá o tempo certo para essas atividades. É fundamental cumprir sua meta para aquele dia. Também é imprescindível estudar com qualidade, em um lugar silencioso e adequado. Nada de estudar na cama, com a tv ligada, onde tenham outras pessoas conversando, tem que ter qualidade para que o estudo seja efetivo. Muitas vezes é mais proveitoso estudar 4 hora por dia, com qualidade à estudar 8 horas diárias em condições ruins.

Otimize seu tempo! Sabe aquelas frações de hora que você passa no carro, em filas, na sala de espera pra consultas etc? Esses minutos são preciosos e fazem toda diferença. Nessas horas você poderá revisar seus estudos, utilizando ferramentas como livros, cadernos de resumos, áudio aulas, gravar o conteúdo pra ouvir com fone no seu celular, dentre outras possibilidades. Ganha tempo!!

Também é muito importante buscar os editais das últimas provas para se saber a data em que termina a validade do concurso que se pleiteia. Com isso se tem, aproximadamente, a possível realização do novo concurso, o que possibilita traçar seu plano de estudos com maior eficiência. Sabendo quanto tempo terá para preparação é possível se organizar para ver toda a matéria, e mais de uma vez, aliás, muitas e muitas vezes…

Para estudar, é importante variar nas formas, assim, uma complementa a outra. Tenha um bom material físico (livros) como por exemplo a coleção de esquematizados do professor Pedro Lenza, que além de objetivo, aborda todo o conteúdo; assista vídeo aulas para entender melhor a matéria e pegar os macetes com professores experientes, isso lhe dá atalhos ( no youtube tem muitas aulas boas e de graça); faça resumos da leitura e das aulas (é importante estar sempre escrevendo, ajuda a memorizar o conteúdo, aprimora a redação e ainda terá um excelente material de revisão para a semana da prova); lei a letra seca da lei (lei e releia os códigos, as questões de prova basicamente trazem a letra de lei); resolva muitas, mas muitas questões (busque provas antigas, questões em sites com essa finalidade, relativas àquele cargo e as resolva pelo menos uma vez por semana, isso ajuda muito a se habituar com a prova, a absorver o conteúdo, além de que muitas questões se repetem em provas futuras, haja vista estarem armazenadas em bancos de dados das organizadoras).

Por fim, uma outra boa dica é estar sempre estudando, manter-se ativo. Existem matérias que, basicamente, são comuns em todos os concursos, como por exemplo, português, raciocínio lógico matemático, informática, direito constitucional, direito administrativo, direito civil e direito processual civil. Nessas, você tem que ser craque, estar dominando o conteúdo, ai, quando sair o edital, você só revisa essas matérias e mergulha de cabeça nas específicas.

Deixe um comentário